Professores contra o retorno das aulas no Paraná

Professores contra o retorno das aulas no Paraná

Compartilhe nas redes sociais!

A APP-sindicato está mobilizada contra o retorno às aulas na rede estadual e também, por tabela, às aulas na rede municipal.

O Governador Ratinho Jr determinou o retorno das aulas presenciais em modo híbrido 50% presencial e 50% remoto.

Mas, na prática as escolas estavam cheias na manhã de 24/5/2021.

Na rede municipal, as escolas retornaram já no dia 17/5/2021 em quase todas as cidades do Paraná.

O governador prometeu 32 mil doses de vacina mas só o contigente estadual é de 170 mil trabalhadores no total.

A greve está sendo convocada em todas as cidades. A batalha vai longe.

Os professores chamam o retorno de 'um chamado à morte'.

A maioria das cidades estão com lotação em hospitais, UTI´s e UPAS´s.

Os casos e mortes tem aumentado após lockdowns feitos de maneira meia boca, nas coxas para inglê ver.

O caos está instalado e a nova cepa indiana pode causar uma 3ª onda mais mortífera em todo o Brasil.

Vai morrer muita gente por essa irresponsabilidades de prefeitos e governadores que querem se alinhar ao lunático do Bolsonaro genocida e seu gado igualmente negacionista e assassino.

Lamentável.


PONTA GROSSA-PR:

Professores convocam greve em PG. Retorno das aulas ocorre em meio a lotação no HU-UEPG e na UPA Santa Paula


(Com foto de App-sinicato e reprodução-internet) 

Siga-nos nas redes sociais:



Quer receber novidades sobre a política e o que está acontecendo no Brasil e no mundo?
Clique aqui e cadastre-se: +55 42 9 9147-7863

ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores, os quais poderão responder judicialmente e não representam a opinião deste site. Se achar algo ofensivo, marque quem comentou e denuncie.

Leia também
X