PF pede prisão de padre ladrão que roubou mais de R$ 100 milhões dos fiéis

PF pede prisão de padre ladrão que roubou mais de R$ 100 milhões dos fiéis

Compartilhe nas redes sociais!

Comprovado que roubou, desviou e lavou é R$ 100 milhões.

Mas a Polícia e o MP disseram que, no curso das investigações, observou-se que as entidades usadas pelo padreco canalha movimentaram mais de R$ 2 bilhões de reais. É o rei do DízimoCoin esse padreco Robson.

G1: A Polícia Federal enviou para o Superior Tribunal da Justiça (STJ) um pedido de prisão contra o padre Robson de Oliveira. O religioso era investigado por suspeita de desvio de dinheiro da Associação Filhos do Pai Eterno (Afipe), em Trindade, na Região Metropolitana da capital, mas toda apuração foi suspensa por decisão judicial. O padre sempre negou irregularidades no comando da entidade.

A defesa do padre disse que os fatos usados para fazer o pedido são antigos e que não existe justificativa para a prisão. Além disso, foi feita uma representação contra a solicitação da Polícia Federal.

O ladrão também era pervertido e gostava de orgias com garotos de programa. Um deles até o chantageou. Como mostraram investigações e reportagens anteriores.

 

Siga-nos nas redes sociais:


ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores, os quais poderão responder judicialmente e não representam a opinião deste site. Se achar algo ofensivo, marque quem comentou e denuncie.

Leia também
Junte-se a nós
X