Identificados: o assassino e as vítimas do atentado na creche de Saudades-SC

Identificados: o assassino e as vítimas do atentado na creche de Saudades-SC

Compartilhe nas redes sociais!

Segundo o site OSTE SC NOTÍCIAS,  O monstro que cometeu o atentado em uma creche de Saudades foi identificado sendo Fabiano Kipper Mai.

O covarde assassino teria completado 18 anos há um mês e um dia.

Ele não possuía registros de crimes, até onde se sabe. Após cometer a chacina brutal e covarde, sem chance de defesa das vítimas, Fabiano tentou tirar a própria vida.

A arma utilizada seria uma 'espada samurai'.

A matança cometida pelo hediondo e covarde assassino, resultou na morte incomensuraelmente cruel de 2 educadoras e 3 pobres criacinhas de cerca de 2 a 3 aninhos.

Ainda de acorco com o OSTE SC NOTÍCIAS,  a primeira a ser atacada foi a professora Keli Adriane Anieceviski de 29 anos (à esquerda na foto acima), que encontrou com o homem logo na entrada da escola. Ela teria então corrido para a sala onde estavam quatro crianças, todas menores de dois anos, que também foram atacadas.

Depois, o maníaco terrorista, atingiu a agente educacional Mirla Renner de 20 anos (à direita na foto acima), que fazia um trabalho no local no momento do crime.

A situação médica do monstro é grave.

(As fotos e as informações são do site OESTE SC NOTÍCIAS, com edição do FCSBR redação)

CRIANÇAS IDENTIFICADAS

Os anjinhos vítimas do monstro são: Sarah Luiza Mahle Sehn, de 1 ano e 7 meses, Murilo Massing, de 1 ano e 9 meses, e Anna Bela Fernandes de Barros, de 1 ano e 8 meses. (Com Portal São Miguel, fotos lá)

 


VEJA, TAMBÉM:

Monstro de 18 anos matou 3 crianças, 1 professora e feriu 1 professora e 1 criança na creche em SC


Descontrolado, Carluxo ataca Mandetta, jornalista e politiza assassinatos na creche em Santa Catarina


Siga-nos nas redes sociais:



Quer receber novidades sobre a política e o que está acontecendo no Brasil e no mundo?
Clique aqui e cadastre-se: +55 42 9 9147-7863

ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores, os quais poderão responder judicialmente e não representam a opinião deste site. Se achar algo ofensivo, marque quem comentou e denuncie.

Leia também
X