Exército se volta contra insanidades de Bolsonaro em nota sobre Pandemia

Exército se volta contra insanidades de Bolsonaro em nota sobre Pandemia

Compartilhe nas redes sociais!

Claramente, essa mudança de postura do Exército se dá pelo agravamento da Pandemia em face da Ômicron, mas, também, pelo crescimento de Moro que pode deixar Bolsonaro fora do 2º turno em 2022.

Até que enfim, o Exército, de maneira indireta mas bem clara para todos os bons entendedores entenderem, tomou uma posição totalmente contrária ao negacionismo e as insanidades criminosas de Bolsonaro marmita dos ladrões do Centrão.

Basicamente, o Comandante do Exército, General Paulo Sérgio, determinou a vacinação de militares, proíbiu a propagação de fake news nas redes sociais e adotou medidas de distanciamento nas organizações militares, além de testagem e trabalho remoto para grupos de risco. (Com Renato Souza-TT).

Tal postura afronta cabalmente o mandrião e acaba com qualquer delírio de autogolpe.

Praticamente, os militares abandonaram Bolsonaro que agora só tem os ladrões do Centrão a seu lado.

DIZ A DEFESANET.COM.BR

Uma nova diretriz do Exército proíbe que militares compartilhem notícias falsas sobre a pandemia de Covid-19 em redes sociais. O documento também diz que militares devem orientar familiares e pessoas de seu convívio sobre a conduta.

Assinada pelo general Paulo Sérgio Nogueira de Oliveira, comandante do Exército indicado pelo presidente Jair Bolsonaro (PL), a diretriz tem como objetivo "preservar a capacidade operativa da Força Terrestre" e a saúde dos integrantes do Exército.

Segundo o texto, "não deverá haver difusão de mensagens em redes sociais sem confirmação da fonte e da veracidade da informação. Além disso, os militares deverão orientar os seus familiares e outras pessoas que compartilham do seu convívio para que tenham a mesma conduta". O documento, do dia 3 de janeiro, foi disponibilizado pelo Exército Brasileiro a pedido do UOL.

Bolsonaro de terno está e pé e bate continência, ao lado de pé e com os braços para trás o general usa uniforme. ambos usam máscara de proteção contra Covid

Segundo a diretriz do Exército, apenas militares e servidores vacinados podem voltar às atividades presenciais. Será preciso respeitar o período de 15 dias após o esquema inicial completo —a vacina Janssen, por exemplo, é um imunizante de dose única.

"Avaliar o retorno às atividades presenciais dos militares e dos servidores, desde que respeitado o período de 15 (quinze) dias após imunização contra a Covid-19 (uma ou duas doses, dependendo do imunizante adotado). Os casos omissos sobre cobertura vacinal deverão ser submetidos à apreciação do DGP [Departamento-Geral do Pessoal], para adoção de procedimentos específicos", diz o texto.

O presidente Jair Bolsonaro, um capitão reformado do Exército, é contra a obrigatoriedade da vacina contra Covid-19. Sem provas e contrariando a ciência, ele defende que ainda não se sabe os efeitos adversos futuros dos imunizantes. Em 2020, ele ironizou a vacina da Pfizer e disse que as pessoas poderiam virar "jacarés".

Bolsonaro diz não ter tomado a vacina contra Covid-19, mas impôs um sigilo de até cem anos ao seu cartão de vacinação. Recentemente, o presidente afirmou que não vacinará a filha de 11 anos após a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) liberar o imunizante da Pfizer para crianças a partir de 5 anos.

Está comprovado que a vacinação reduz o risco de infecção, hospitalização e morte por Covid-19. O presidente repete que é a favor da "liberdade" para se vacinar. Em 2021, ele foi investigado pela CPI da Covid por omissões durante a pandemia de Covid-19 no Brasil, que matou mais de 600 mil pessoas. Em seu relatório final, a CPI sugeriu o indiciamento de Bolsonaro por crimes contra a humanidade e de responsabilidade.

Siga-nos nas redes sociais:


ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores, os quais poderão responder judicialmente e não representam a opinião deste site. Se achar algo ofensivo, marque quem comentou e denuncie.

Leia também
Junte-se a nós
X