Após dizer que o STF detonou a segurança jurídica do País, Marco Aurélio diz que a corte 'precisa de autocontenção'

Após dizer que o STF detonou a segurança jurídica do País, Marco Aurélio diz que a corte 'precisa de autocontenção'

Compartilhe nas redes sociais!

Marco Aurélio diz que a maioria do STF fulminou a segurança jurídica do País pensando em 2022

Detalhe: Bolsonaro já colocouo Kássio com Ke quer por o Mendonça com M no lugar do Marco Aurélio Mello.


O ANTAGONISTA: Em entrevista a um podcast de O Globo, Marco Aurélio afirmou que o tribunal “precisa de autocontenção”.

“O Supremo está sendo acionado por pequenos partidos, que não figuram no Congresso Nacional como deveriam figurar, visando a fustigar o presidente da República, daí haver a necessidade de o Supremo perceber essa manobra, que não é uma manobra sadia, e observar acima de tudo a autocontenção, não invadir esfera que não é a própria dele, o Supremo.”

Nesta sexta-feira (11), Marco Aurélio, acusou o presidente da Corte, Luiz Fux, de interceptar uma petição da defesa de Lula que estava dirigida a seu gabinete. Como O Antagonista mostrou, no entanto, os pedidos protocolados no sistema eletrônico são encaminhados automaticamente para o gabinete do relator. Marco Aurélio Mello também precisa de autocontenção.


 

Siga-nos nas redes sociais:


ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores, os quais poderão responder judicialmente e não representam a opinião deste site. Se achar algo ofensivo, marque quem comentou e denuncie.

Leia também
X