Com mais cargos para o Centrão, Estatais consumirão R$ 2,1 trilhões em 2021

Com mais cargos para o Centrão, Estatais consumirão R$ 2,1 trilhões em 2021

Compartilhe nas redes sociais!

Atualizado em 19/9/2021

Corno e marmita do Centrão, Bolsonaro nomeou esposa de Ricardo Barros para o Conselho da Itaipu

A dívida pública do Brasil está entre R$ 5,1 e R$ 5,5 trilhões de reais, comendo mais de 90% do PIB.

O aumento de cargos dados ao Centrão reflete sim no alto custo das Estatais brasileiras.

Reveja: Mais de 506 mil pessoas com super-salários nas estatais. 346 mil apadrinhados políticos


O orçamento do Brasil para 2021 é de R$ 4,3 trilhões.

Esse é o dinheiro do povo que o Brasil terá em caixa para todo o ano de 2021.

Desses R$ 4,3 trilhões, cerca de R$ 409 bilhões serão usados para pagar os juros da dívida pública.

Sendo assim, cerca de R$ 2,1 trilhões serão consumidos nas Estatais que tem um cabidão de mais de 506 mil comissionados, ainda.

Vale lembrar que Bolsonaro prometeu privatizar quase tudo mas não fez nada disso e ainda criou mais 1 estatal, a NAV Brasil Serviços de Navegação Aérea, aumentando os gastos com mais gente o cabidão de comissionados.

Aliás, Bolsonaro prometeu  cortar comissionados, mas apenas fez o que FHC, Lula, Dilma e Temer já tinham feito que é remanejar comissionados e extinguir cargos ociosos, ou seja, que ninguém mais os ocupava, criando uma falsa imagem de enxugamento da máquina pública que se mantém gigantesca com um dívida que devora mais de 90% do PIB, com todas as suas mamatas e super-salários, super pensões, etc etc.

Resumindo, o Brasil segue com povo morrendo aos montes na Pandemia sem vacina de verdade, para todos, sem trabalho, na miséria, dependendo de auxílios do governo, enquanto os marajás apadrinhados de políticos do Centrão invadem mais espaço no governo Bolsonaro, elevando  gastos da dívida públca, já absurda.

ASSISTA


VEJA NO BLOG DO VICENTE DO CB:

Setor público acumula rombo de R$ 1 trilhão, segundo Banco Central

 

Siga-nos nas redes sociais:


ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores, os quais poderão responder judicialmente e não representam a opinião deste site. Se achar algo ofensivo, marque quem comentou e denuncie.

Leia também
Junte-se a nós
X