Lei do voto impresso já estava em vigor desde 2015 e o TSE simplesmente a descumpriu

Lei do voto impresso já estava em vigor desde 2015 e o TSE simplesmente a descumpriu

Compartilhe nas redes sociais!

MUITO SIMPLES ASSIM.

Se já tem lei aprovada, em vígor, por que descumprir?

Isso não é prevaricação?

Ao derrubar por 8 a 2 o voto impresso, os 8 ministros do STF, além de acobertarem os prevaricadores do TSE,  também cometeram o crime de prevaricação.

Todos os 8 deveriam ser punidos por isso.

VEJA>>>
 

URNAS ELETRÔNICAS: Lei aprovada pelo Congresso em 2015 determina o voto impresso

Em 2018, o STF derrubou o voto impresso por 8 votos a 2

Prevaricação é um crime funcional, praticado por funcionário público contra a Administração Pública. A prevaricação consiste em retardar, deixar de praticar ou praticar indevidamente ato de ofício, ou praticá-lo contra disposição expressa de lei, para satisfazer interesse ou sentimento pessoal. (WIKIPÉDIA)

Globo faz propaganda contra o voto impresso. Mas, na CCJ do Senado, especialistas disseram que é possível fraudar a urna eletrônica


OBS: que não se confunda 'impressão do voto eletrônico' com 'voto de papel!'

Quem confunde isso, por ignorância precisa se  informar melhor.

Quem o faz cosnciente é um bandido canalha defensor do sistema podre e corrupto que caga para a transparência. 

Ninguém aqui está falando em retorno ao voto de papel e muito menos inventando coisas sobre a possibilidade de fraudes nas urnas.

O que está sendo exposto e questionado aqui é a FALTA DE TRANSPARÊNCIA DO PROCESSO ELETRÔNICO ELEITORAL, À COMEÇAR PELO DESCUMPRIMENTO DA LEI DO VOTO IMPRESSO APROVADA NA MINI REFORMA ELEITORAL DE 2015.

Se já tem lei aprovada, em vígor, por que descumprir?

Isso não é prevaricação?

Ao derrubar por 8 a 2 o voto impresso, os 8 ministros do STF cometeram o crime de prevaricação.

Todos os 8 deveriam ser punidos por isso.

VEJA>>>
 

URNAS ELETRÔNICAS: Lei aprovada pelo Congresso em 2015 determina o voto impresso

 

 

Siga-nos nas redes sociais:



Quer receber novidades sobre a política e o que está acontecendo no Brasil e no mundo?
Clique aqui e cadastre-se: +55 42 9 9147-7863

ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores, os quais poderão responder judicialmente e não representam a opinião deste site. Se achar algo ofensivo, marque quem comentou e denuncie.

Leia também
X