FCS Brasil
Notícias [+] Lidas
27/11/2020   

Presente de Natal no Paraná: pedágio mais caro em análise

O reajuste previsto para 1/12/2020 foi suspenso por enquanto, mas...

Lembrando que o Diretor da Agepar foi nomeado pelo Rato Jr.

REVEJA TAMBÉM>>>>


BAND NEWS CURITIBA - A Agência Reguladora de Serviços Públicos do Paraná (Agepar) iniciou os estudos das planilhas enviadas pelas concessionárias de pedágios para decidir sobre a possibilidade de reajuste nos valores nas estradas pedagiadas que cortam o estado. No entanto, a porcentagem do reajuste solicitada pelas empresas não foi divulgada pela Agepar.

Anualmente, o reajuste tarifário do pedágio das seis concessionárias do chamado Anel de Integração, acontece no primeiro dia de dezembro, ou seja, se for confirmado, deve começar a valer a partir da próxima terça-feira (1). Em 2020, o reajuste de pouco mais de 3% para cinco concessionárias aconteceu em janeiro.

Em setembro de 2019, as tarifas de pedágio das rodovias administradas pelas concessionárias Ecovia e Ecocataratas tiveram redução de 30%, por conta de um acordo de leniência firmado entre a força-tarefa Lava Jato do Ministério Público Federal (MPF) e a empresa Ecorodovias S.A., controladora das duas concessionárias. No início de novembro, a Agepar chegou a determinar novamente a redução dos pedágios que estão sob responsabilidade das duas concessionárias.

O motivo seria de erros nos pedidos de reajuste de 2016 e 2017. Uma reunião extraordinária marcada com o Conselho Diretor da Agepar, por videoconferência deve decidir sobre os pedidos de aumento das concessionárias de pedágio.

Reportagem: Taís Santana





ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores, os quais poderão responder judicialmente e não representam a opinião deste site. Se achar algo ofensivo, marque quem comentou e denuncie.



URNAS ELETRÔNICAS

AIDS TEM CURA

Sugeridos

© Todos os direitos reservados

X