FCS Brasil
Notícias [+] Lidas
13/12/2019   

Ponta Grossa: 'a tarifa zero que não é tarifa zero'

 ANTES, REVEJA>>> Ponta Grossa: Rangel promete 'Tarifa Zero' cobrando taxa. Quem pagará a conta?


TARIFA ZERO QUE NÃO É BEM TARIFA ZERO.

Rangel come bola ao falar 'Tarifa Zero'. Se vai cobrar taxa de empresas e funcionários, não é zero.

O mais prudente e realista seria 'Tarifa Social'.

Mas, o prefeito preferiu enveredar para a jogada de marketing muito mal elaborada pela sua equipe.

Há vários fatores que devem ser considerados antes de tudo: o principal deles é o aumento de passageiros, especialmente, nos horários de pico. Como diz o povo nas redes sociais, 'se já está ruim e socado de gente agora que é pago, imagina depois que será "de grátis?'.ENTÃO, O QUE SERÁ FEITO PARA MELHORAR O SERVIÇO E ATENDER A DEMANDA? VÃO COLOCAR MAIS ÔNIBUS, MAIS LINHAS? OU NÃO?

Também se discute o que será feito dos cobradores e cobradoras. Reza a lenda que serão "transformados automaticamente em fiscais". mas, pera lá: vão demitir, pagar seus direitos e depois recontratá-los como fiscais ou vão passar a perna neles? Ou pior, vão enrolar e depois demiti-los?

Contudo, falta ao prefeito ao invés de dar voltas e voltas no que diz, ir direto ao assunto.

Esse é o ponto.

Por que o prefeito não é claro e bem didático e diz: 'NINGUÉM SERÁ OBRIGADO A ADERIR. SÓ PARTICIPA QUEM QUISER. NINGUÉM TERÁ DESCONTO EM FOLHA SE NÃO QUISER'. Simples. Mas fica dando voltas e voltas e não vai direto ao ponto pq?

Essa falta de objetividade e transparência criou confusão e está matando o projeto no ninho, além de deixar o povo se perguntando se isso não é só politicagem de ano pré-eleitoral ou meio de garantir a VCG como única empresa parceira da prefeitura.

E outra, além de confusas as respostas do pref, tem uma mentirinha no meio, quando se diz que PG é a primeira cidade do Brasil ao adotar esse projeto.

NÃO É NÃO.

Já tem mais de 12 cidades com tal modelo de 'tarifa social', apelidada de 'tarifa zero', VIDE: https://pt.wikipedia.org/.../Transporte_público... - DETALHE: as cidades que tem essa tarifa social são cidades relativamente pequenas e com pequeno fluxo de pessoas no transporte público. Bem diferente da realidade de PG.

E outra, se essa tal 'tarifa social' no sentido de 'tarifa zero' que Rangel fala, fosse tão boa assim e fosse viável de fato, grandes cidades como São Paulo, Nova York, Paris, Londres e outras, já teriam implantado essa bagaça, não é?

Resumindo: se o pref quer algo bom de verdade, que seja direto, simples e objetivo no que diz, que não continue a comer bola, com dados furados, por que o povo vê isso como politicagem. Capitchi?

Ps: detalhe: qual é a constitucionalidade desse projeto no formato proposto por Rangel? É constitucional? Tem impeditivos que podem gerar ADI´s (Ações Diretas de Inconstitucionalidade) e acabar lá no STF?

A ideia não é tão ruim, mas precisa ser debatida com profundidade com toda a comunidade, em especial com o setor produtivo, o empresariado, junto do povo, com TRANSPARÊNCIA E ESTUDOS TÉCNICOS DE FATO, falando a real, objetivamente, sem rodeios, considerando os prós e contra, os impactos à curto, médio e longo prazo e, sobretudo, o real benefício para a população, em especial, aos trabalhadores registrados em CTPS nas empresas que é quem pagarão essa conta.

Agora, dizer que é 'tarifa zero' não sendo zero, e com dados imprecisos mandar a coisa correndo tudo, às pressas para a câmara, sem esse debate profundo, não dá. O povo vai dizer e com razão: aí tem!

****(Post de Emerson Rodrigues, blogueiro, editor geral do FCSBR, aos blogues da mídia livre no Brasil e no Exterior [email protected]


REVEJA>>>





ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores, os quais poderão responder judicialmente e não representam a opinião deste site. Se achar algo ofensivo, marque quem comentou e denuncie.



GOELA X DOMÉSTICAS

LAVA TOGA EM 1999

Sugeridos

© Todos os direitos reservados

X