FCS Brasil
Notícias [+] Lidas
13/05/2020   

Se baseando em Bolsonaro, família abre caixão durante velório e vários acabam contaminados pelo Coronavírus. Após velório, familiares resistiram pra fazer exames e ameaçaram socorristas com um facão

ANTES, REVEJA>>> Revista de Medicina da Inglaterra diz que Bolsonaro é a maior ameaça ao combate ao coronavírus no Brasil


DIZ O ANTAGONISTA>>>

Após o caixão de uma vítima da Covid-19 ser aberto na cidade de Cairu, na Bahia, cinco pessoas foram infectadas pelo novo coronavírus, diz a Folha.

Mesmo com recomendações médicas em sentido contrário, os familiares da vítima quiseram abrir o caixão durante o velório.

A prefeitura decidiu, então, realizar testes para a Covid-19 nas 12 pessoas que participaram do velório — e cinco haviam sido infectadas.

Até então, o município baiano não havia registrado nenhum caso da doença.

O FACÃO

BAHIA NOTÍCIAS AINDA DIZ:

As novas contaminações foram confirmadas após realização, nesta terça (12), de teste rápido em 12 pessoas que participaram do velório, no distrito da Gamboa.

Entretanto, antes disso, conforme relatos de moradores da região, a equipe da prefeitura sofreu com a resistência dos familiares, que inicialmente se recusaram a fazer o exame, agrediram servidores e até ameaçaram com um facão.

Em nota, a Secretaria de Saúde de Cairu esclareceu que “todas as orientações de protocolo foram repassadas para a família da primeira vítima de Covid-19 moradora do município, que faleceu sob suspeita de síndrome respiratória grave na última quinta-feira (07/05) na Santa Casa de Misericórdia de Valença”.

 

“Apesar do atestado de óbito, a confirmação do quadro por coronavírus foi divulgada na última segunda-feira (11/05) após resultado positivo do teste realizado pelo Laboratório Central de Saúde Pública da Bahia. O órgão assegura que os familiares receberam todas as informações para realização do sepultamento seguro, bem como das normas sanitárias indicadas pelos órgãos responsáveis”, afirmou a gestão municipal.

 

Por fim, a prefeitura informou que está tomando todas as providências para realização do monitoramento das pessoas próximas à vítima, assim como das medidas de segurança e prevenção necessários. https://www.bahianoticias.com.br/municipios/noticia/20713-cairu-familia-abriu-caixao-de-vitima-da-covid-19-para-velorio-cinco-foram-contaminados.html

A GLOBO CONFIRMA A INFORMAÇÃO: VÍDEO>>>https://globoplay.globo.com/v/8550363/


Os Bolsocrentes são mais idiotas que o lunático que os incita ao suicídio. 

Os imbecis, baseados nas asneiras criminosas do presidente, em geral, sempre dizem 'morreu de infarto, pneumonia, do no cu etc'.

Esquecem esses imbecis em geral que o COVID-19 acelera as doenças que o indivíduo venha a ter, e muitos que nunca vão ao médico, sequer sabem que tipo de peste carregam dentro de seus cadáveres insepultos.

O caso dos velórios, em que famílias de Bolsocrentes teimam em abrir o caixão dizendo que 'não foi por COVID-19 por qualquer outra doença', é o exemplo prático.

Se a pessoa já tem certa idade, ou comorbidades, ou diabo a quatro, e pestiou após o COVID-19, durante a pandemia, de uma hora para outra E MORREU, não precisa nem exame pra saber que o velório deve ser cancelado e o enterro feito o mais rápido possível em caixão lacrado.

Só idiota vai tentar a sorte, como fazem os bolsocrentes.


Morto por Coronavírus é velado com caixão aberto. Família só soube depois. Mais de 100 pessoas de cidades vizinhas foram ao velório





ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores, os quais poderão responder judicialmente e não representam a opinião deste site. Se achar algo ofensivo, marque quem comentou e denuncie.



COVID-19 REAL

AIDS TEM CURA

Sugeridos

© Todos os direitos reservados

X